11 Fevereiro

Mulher agredida corre pelada na rua para não ser morta a pauladas pelo ex

O autor do crime foi preso em flagrante por uma equipe da Polícia Militar.

 

Foto da notícia
 
Uma jovem de 25 anos foi brutalmente agredida pelo ex-marido de 46 anos na noite de segunda-feira (10) em uma residência localizada no bairro Tucumanzal, em Porto Velho (RO). O autor do crime foi preso em flagrante por uma equipe da Polícia Militar.
 
De acordo com informações contidas em boletim de ocorrência, o casal estava separado há cinco dias. Já na segunda, o homem altamente embriagado e sob efeito de entorpecentes invadiu a residência da vítima, que estava nua.
 
Imaginando que ela tivesse acabado de ter relação sexual com outro homem, o acusado procurou por toda a casa, mas não localizou ninguém, além da mulher.
 
Mesmo assim, ele passou a acusá-la de traição e foi para cima dela com socos no rosto, causando hematomas no olho da vítima.
 
Tomado pela fúria, ele afirmava que ia matar a jovem e arrancou de uma cerca um pedaço de madeira com prego. A vítima foi atacada com várias pauladas na cabeça e para não ser morta teve que sair correndo na rua pelada gritando por socorro até ser amparada por mecânicos de uma oficina que deram um lençol para ela se cobrir.
 
A Polícia Militar chegou ao local e prendeu o homem nas proximidades. Ele ainda desacatou os militares com xingamentos, mas foi imobilizado e levado para a Central de Flagrantes. A vítima disse que já havia sido agredida outras vezes pelo acusado, porém, nunca tinha denunciado.
 
Fonte: Rondoniaovivo